Grupo RL

Notícias na Brás

Listando: 1 à 5 de 1085
Signal e Telegram têm alta na demanda após WhatsApp atualizar termos de serviço

Os aplicativos de mensagens Signal e Telegram estão tendo um aumento repentino na demanda depois que novos termos de serviço do rival WhatsApp espantaram usuários.


REUTERS/Dado Ruvic
Foto: Reuters

O WhatsApp, que usa a tecnologia de criptografia da Signal, estabeleceu novos termos na quarta-feira, pedindo aos usuários que concordem em permitir que o Facebook e suas subsidiárias coletem dados do usuário, incluindo seu número de telefone e localização.

Alguns ativistas de privacidade classificaram a medida como "aceite nossa coleta de dados ou saia" no Twitter, e sugeriram que os usuários mudassem para aplicativos como Signal e Telegram.

A popularidade do Signal disparou ainda mais na quinta-feira, depois de ser endossado por Elon Musk, que tem uma das contas mais seguidas no Twitter, e pelo chefe da plataforma, Jack Dorsey.

Mais de 100 mil usuários instalaram o Signal nas lojas de aplicativos da Apple e do Google nos últimos dois dias, enquanto o Telegram obteve quase 2,2 milhões de downloads, de acordo com a empresa de análise de dados Sensor Tower.

Os novos downloads do WhatsApp caíram 11% nos primeiros sete dias de 2021 em comparação com a semana anterior, mas ainda assim totalizaram cerca de 10,5 milhões de downloads globalmente, disse a Sensor Tower.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447753)) REUTERS AAJ

(Fonte: Eva Mathews e Munsif Vengattil) - 12/01/2021
Indiana Jones ganhará novo game com produtora de Wolfenstein


Novo game de Indiana Jones será lançado, mas ainda não há data, detalhes sobre enredo e nem plataformas anunciadas

A popular saga cinematográfica Indiana Jones ganhará um novo jogo desenvolvido pela Machine Games, mesma produtora de Wolfenstein: Youngblood e também parte da Bethesda. De acordo com a Lucasfilm,

detentora dos direitos da série, a aventura terá história original.


Game de Indiana Jones sairá em parceira com Bethesda (Imagem: Divulgação/Lucasfilm)
Foto: Tecnoblog

A novidade foi revelada pelo Twitter da Bethesda, com um pequeno teaser que mostra vários livros, papeis e equipamentos de arqueologia, finalizando com o icônico chicote e chapéu usados pelo explorador nos filmes, começando com Indiana Jones e Os Caçadores da Arca Perdida, de 1981.

A Lucasfilm revelou ainda que o jogo terá produção-executiva de Todd Howard, diretor da Bethesda e um dos principais nomes da indústria, que também trabalhou em Skyrim, Fallout 4 e muitos outros jogos.

A história original e separada dos filmes não foi detalhada. Também não sabemos em que período temporal o enredo se passará - ou se trará a voz de Harrison Ford, o ator original de personagem, para a obra.

O último game oficial de Indiana Jones foi lançado em 2011, com Indiana Jones Adventure World, um jogo de rede social feito pela Zynga e publicado no Facebook. Hoje o título já se encontra fora do ar.

Game de Indiana Jones exclusivo?
Não há informações sobre plataformas, mas vale lembrar que a Bethesda, e todos os seus estúdios "parentes", foram adquiridos pela Microsoft.

É possível que o game seja exclusivo da linha Xbox, mas nada garante a informação. Por ora, o novo Indiana Jones, que não tem nem mesmo título completo, segue sem plataformas anunciadas.

Valor de mercado de criptomoedas supera US$1 trilhão pela primeira vez

O valor total do mercado de criptomoedas superou nesta quinta-feira a marca de 1 trilhão de dólares pela primeira vez, impulsionado pelo rali do bitcoin, que cravou novo recorde, segundo dados das empresas de acompanhamento do setor CoinMarketCap e CoinGecko.

O bitcoin acumulou alta de mais de 900%, passando de 3.850 dólares em março passado para 38.655 nesta quinta-feira, conforme governos ao redor do mundo ampliam liquidez para lidarem com os efeitos econômicos da pandemia. Este aumento de liquidez tem criado especulações a respeito de risco de inflação e desvalorização do dólar.

As criptomoedas também estão ganhando tração junto a investidores institucionais que estão cada vez mais convencidos de que o bitcoin vai se tornar um ativo duradouro e não uma bolha especulativa como alguns analistas e investidores temem.

"Apesar de que quem está de fora possa considerar a indústria de criptomoedas sendo avaliada em mais de 1 trilhão de dólares como um marco significativo, na realidade ela ainda está nos estágios iniciais de desenvolvimento", disse Sergey Nazarov, co-fundador da Chainlink, uma rede desecentralizada que fornece dados de contratos para blockchains.

O valor de mercado de todas as criptomoedas subiu 10%, para 1,042 trilhão de dólares, nesta quinta-feira, segundo dados da CoinMarketCap. As carteiras de bitcoin representam cerca de 69% desse total, seguidas pelas de Ethereum, com participação de 13%.

(Fonte: Reuters) - 07/01/2021
5 dicas para ajudar sua startup a captar investimento

Aprenda a defender sua ideia e seu negócio e não deixe de pedir ajuda, recomenda especialista em reestruturação de negócios

O objetivo mais desejado dos empreendedores é o sucesso. O problema é que sempre chega um momento em que a barreira do crescimento aparece, seja por falta de capital ou infraestrutura. Ocorre que uma hora será preciso conseguir investimento e é preciso estar preparado para isso. A receita é simples: transitar em diferentes áreas do empreendedorismo e entender cada aspecto específico
relacionado ao negócio.

A dica é do advogado Marcos Rezende Fontes, especialista em Reestruturação de Negócios e M&A e sócio do CSA – Chamon Santana Advogados. Segundo ele, brasileiros têm ótimas ideias para negócios, que quase sempre são tão promissoras quanto mal estruturadas. “Isso gera insegurança para o investidor e impacta no processo de valuation (precificação) da empresa”, afirma. Outro ponto que afasta quem quer fazer um aporte financeiro na startup, segundo Fontes, é a confusão patrimonial entre a empresa alvo de investimento e seus sócios, bem como o passado desses sócios em outras companhias. “Em regra, essas situações são fatores de complicação para o potencial investidor”, diz.

Já do ponto de vista do empresário, a maior dificuldade encontrada pelo empreendedor na relação com investidores é entender o processo de investimento em si, com os inúmeros contratos a ele relacionados. Marcos Rezende Fontes explica que, além disso, ao receber um investimento, o empresário terá que compartilhar decisões e aceitar a profissionalização da gestão da empresa, resultando

em documentos societários significativamente distintos daqueles até então existentes. “O empresário terá que renunciar à ideia de dono de uma empresa, algo que talvez ele não esteja preparado e que precisa constar em diversos documentos”, esclarece.

Encarado este ponto de mudança cultural no negócio e em sua gestão, a lição de casa para o empresário que quer atrair investidores é aprender a apresentar e defender seu plano de negócios para munir os interessados no negócio a ser aportado com o maior número de informações possíveis. Deve-se destacar, ainda, que os eventuais contratos já estabelecidos, tanto com clientes quanto com fornecedores, devem estar devidamente alinhados com todos os interessados.

Abaixo, confira os cinco conselhos do especialista para preparar sua empresa para receber investimento:

1. Comece certo

Empreender implica em transitar em diferentes áreas, além de deter o conhecimento técnico específico relacionado ao negócio escolhido. Desenvolva uma pesquisa mercadológica, conheça potenciais fornecedores e concorrentes, faça um planejamento estratégico que contemple as questões financeiras pertinentes ao negócio. Sob o aspecto jurídico, escolha a estrutura empresarial que melhor se
adeque, que pode ser sob a forma individual, como empresário individual ou empresa individual de responsabilidade limitada, ou sob a forma coletiva, como sociedade limitada ou anônima.

2. Não tenha preguiça do juridiquês nem do economês

No processo de estruturação é muito importante a análise do enquadramento tributário do negócio, analisando os diferentes impactos tributários em diversos cenários. Esse processo pode ser cansativo, porque o empresário terá de lidar com assuntos que não são do seu cotidiano. Ainda assim, caberá a ele decidir pela constituição de uma sociedade, e considerado o interesse de investimentos externos, é importante que o contrato social ou estatuto social apresente regras claras. Paralelamente, deverá ser considerada a marca a ser utilizada no negócio, com o prévio registro no órgão competente. Em uma segunda etapa, após os trâmites burocráticos para a constituição da empresa, em sua fase operacional, o empresário deve se atentar para a importância de serem celebrados contratos com todas as partes envolvidas no negócio, não só prestadores de serviços e fornecedores, mas também tomadores de serviços e clientes em geral.

3. Aprenda a defender sua ideia e seu negócio

O investidor precisa de informações do negócio para decidir pelo investimento. Assim, o empresário deverá estar apto a apresentar e defender seu plano de negócios e ter os aspectos contábeis, fiscais, financeiros e negociais conhecidos, com o mapeamento de eventual passivo existente. Caso o negócio guarde alguma dependência com prestadores de serviços ou fornecedores, os contratos devem estar devidamente firmados, por prazos significativos e sem quaisquer restrições a alterações no quadro societário da empresa. No mesmo sentido, é relevante a existência de uma relação firme com clientes, em contratos igualmente assinados e em vigor.

4. Saiba pedir ajuda

Antes de iniciar o processo de busca de um investidor, o empresário (dono da startup) deve estar certo de suas necessidades, que podem ser financeiras, mas também de suporte em outras áreas, como, por exemplo, tecnologia ou de gestão financeira da empresa. Se não souber desempenhar essas atividades, busque ajuda profissional. É melhor se cercar de cuidados, do que deixar de receber investimentos por problemas que poderiam ter sido resolvidos logo no começo da empresa.

5. Guarde segredo

Uma vez identificado o potencial investidor, um contrato preliminar deverá ser assinado com uma cláusula robusta de confidencialidade e dever de sigilo, já que informações especiais do negócio serão disponibilizadas para potencial investidor que, ao final do processo, vai decidir por realizar ou não o investimento. Enquanto este processo estiver em aberto, não comente dele com outras pessoas. Isso pode comprometer o resultado da operação.

(Fonte: Da Redação) - 07/01/2021
Como vender no eBay [Anunciar Produtos]

Saiba como vender no eBay; a plataforma permite que qualquer pessoa anuncie um produto de maneira simples e rápida



eBay no celular (Imagem: Divulgação/eBay)
Foto: Tecnoblog

Regras e taxas do eBay
Em primeiro lugar, devo alertar que não é todo tipo de produto que pode ser vendido no eBay — recomendo que verifique a lista de itens proibidos e restritos no site da empresa. O descumprimento das regras pode resultar na suspensão da conta ou até mesmo no banimento permanente.

Outro ponto que também precisa ser mencionado é que o eBay cobra uma taxa para anunciar os produtos. Felizmente, os primeiros 50 anúncios do mês são gratuitos, mas caso você ultrapasse esse número, a plataforma irá cobrar US$ 0,35 por cada novo produto adicionado.

Por último, mas não menos importante, quando uma compra é finalizada o site também recebe 10% do valor total da venda, tendo uma tarifa máxima por mês de US$ 750.

Como vender um produto no eBay
Abra o navegador e acesse ebay.com;
Clique em "Entre" no canto superior esquerdo e faça login com sua conta;
Quando a página principal recarregar, clique em "Vender" no topo da tela;
Insira o nome do produto que deseja vender e clique em "Get started";
O eBay vai exibir uma lista de produtos semelhantes para facilitar o processo de criação do anúncio, mas caso queira elaborá-lo do zero, clique em "Continue without selecting a product";



Processo para anunciar um produto no eBay (Imagem: Reprodução/eBay)
Foto: Tecnoblog

Preencha todas as informações solicitadas pela plataforma, como título do anúncio, preço, especificações (no caso de um celular) e também envie algumas fotos do produto;
Feito isso, desça a página e clique em "List item" para colocar seu anúncio no ar — você também pode clicar em "Preview" para vê-lo antes de publicá-lo ou clicar em "Save as draft" para salvar como rascunho.
Pronto, agora você já sabe como vender no eBay. Utilizando a plataforma, seus produtos terão mais visibilidade e a possibilidade de concluir uma venda será ainda maior.

(Fonte: Wagner Pedro) - 30/12/2020
Listando: 5 de 1085

Anuncie

Sobre o Portal no Brás

O Portal no Brás foi lançado em 01 de dezembro de 2016, tendo como objetivo principal a divulgação de empresas e produtos comercializados na região NO BAIRRO DO BRÁS no centro da cidade de São Paulo, focando-se principalmente em produtos voltados para a área de ferramentas e ferragens.